quarta-feira, 27 de outubro de 2010

A FALA DO CORAÇÃO

Silêncio, recolhimento
Espiritualidade
Nos dão mais capacidade
Para um bom discernimento
Motivam o pensamento
À boa reflexão
Preparam à oração
Isso é bom e nos convém
Porque nos deixa ouvir bem
A FALA DO CORAÇÃO.

Temos a necessidade
De parar e refletir
Silenciar e sentir
Recordação e saudade
Dando ao ego a liberdade
De prazer e expansão
Harmonia e prontidão
Para um espaço encontrar
Onde dê certo escutar
A FALA DO CORAÇÃO.

Gratificante é pra nós
Quando estamos refletindo
Em algum momento ouvindo
Do coração, sua voz
Alguns minutos após
Nos vem uma sensação
De paz e de mansidão
Ao nosso ser transformando
Só por estar escutando
A FALA DO CORAÇÃO.

Quem segue a diretriz
Da fé, do bem, da verdade
Está cheio de vontade
De viver e ser feliz
O amor é a raiz
Que lhe dá sustentação
Em qualquer situação
Encontra a forma evidente
Para ouvir diariamente
A FALA DO CORAÇÃO.

Os que trilham os caminhos
Rústicos da ignorância
São pobres de tolerância
Agressivos e mesquinhos
Nos parentes e vizinhos
Provocam desunião
O ódio, a ingratidão
Reforçam a má conduta
Quem é assim não escuta
A FALA DO CORAÇÃO.

Se você sintonizar
A estação de Jesus
Mensagens de vida e luz
Estão postadas no ar
São lições que vão lhe dar
Virtude e compreensão
Abertura ao perdão
Para alegria sentir
Na hora que for ouvir
A FALA DO CORAÇÃO.

Autor: Zé Bezerra

Um comentário:

helena bezerra de araujo disse...

Meu amigo, gostei de ler esta poesia muito profunda, poucos poetas param para fazer um tipo de reflexão desta.