sexta-feira, 17 de agosto de 2012

CAMPANHAS ELEITORAIS






















Campanhas eleitorais
Tendo em vista as eleições
Ocorrem neste país
Em todas as regiões
Com muita gente envolvida
Nessas movimentações.

Feitas há cada dois anos
Quase não têm novidade
Porque muito se repetem
Práticas da antiguidade
A revelia da ética
Da moral e da verdade.

Tais campanhas desvirtuam
O povo, a comunidade
Promovem a divisão
Dentro da sociedade
Gerando conflito, briga
Agressão, rivalidade.

Eleitor alienado
Fanático, bajulador
Extrapola seus limites
Torna-se até agressor
Correndo atrás de político
Mentiroso, enganador.

Candidatos sem escrúpulos
Que não tem cidadania
Agridem adversários
Ferem a democracia
Nos discursos dos comícios
Apelam pra baixaria.

As campanhas não só deixam
Eleitores divididos
Devido a grande disputa
Candidatos e partidos
Em crimes eleitorais
Acabam sendo envolvidos.

É muito grande a cobiça
Ninguém deseja perder
Há alguns que não têm tempo
De dormir nem de comer
O de baixo quer subir
Quem está não quer sair
Cada qual que quer vencer
Um tem, outro quer tomar
O que importa é sentar
Na cadeira do poder.


Autor: Zé Bezerra

Um comentário:

fatima silva disse...

Boa tarde apreciei muito seu blog e suas poesias sertanejas.Sempre utilizando para conscientizar o cidadão neste momento político em que o povo fica anestesiado,cego e surdo.Com todo respeito ,vou usar uma das suas poesias no meu blog.Sucesso.