domingo, 14 de novembro de 2010

UNAM-SE E LUTEM PELA SOLUÇÃO


Foto: Blog Olhar Crítico

Em Patu quando será
Que vai haver solução
De forma definitiva
Ao problema do lixão
Que está prejudicando
Parte da população.

A crítica situação
Que vem da gestão passada
Do mesmo jeito que era
Vai sendo continuada
Antes não foi resolvida
E agora ninguém fez nada.

Uma cena indesejada
Que causa infelicidade
A todos os moradores
Daquela localidade
Além disso ainda enfeia
A entrada da cidade.

Por ser grande a quantidade
Do lixo acumulado
Pra ficar pior ainda
Todo dia ele é queimado
Tornando o meio ambiente
Seriamente ameaçado.

O povo prejudicado
Já não tem mais paciência
De suportar o descaso
Abandono e negligência
Fumaça e mau cheiro invadem
Cada uma residência.

Sequer uma providência
Foi tomada infelizmente
Vê-se os que administram
Saúde e meio ambiente
Passivos a um problema
Que requer ação urgente.

Até quando essa gente
Vai viver nesse dilema
Ouvindo as autoridades
Dizerem que o problema
Depende de uma resposta
Do IBAMA e do IDEMA.

Quem sofre com o problema
Não pode mais esperar
Tem que descruzar os braços
Unir-se para lutar
A fim de que esse mal
Pare de continuar.

Não dá mais para ficar
Esperando quem não vem
Joguem fora o comodismo
Busquem os direitos que têm
Lutem pela vida digna
Sem se curvar a ninguém.

Vão a procura de quem
Tudo pode resolver
Façam abaixo-assinado
Tragam a imprensa pra ver
Realizem ato público
Demonstrem força e poder
Chamem a promotoria
E só sosseguem no dia
Que essa péssima companhia
Dali desaparecer.

Autor: Zé Bezerra

Um comentário:

helena bezerra de araujo disse...

Se o grupo prejudicado, usar esta poesia para se fundamentar è capaz
de haver algumas soluções para eliminar este grave problema.